Notícia


16/12/2016 | Nogócios

Ação da União Europeia para acabar com a violência contra as mulheres


Ação da União Europeia para acabar com a violência contra as mulheres

 

Brasilia, 24 de novembro de 2016

 

Às vésperas da Jornada Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, a União Europeia anuncia uma campanha para 2017 como parte da luta contra esse fenômeno, que continua generalizado no mundo. Aliás, uma em cada três mulheres passou por alguma forma de violência de gênero na sua vida.

 

O Primeiro Vice-Presidente Timmermans, a Alta Representante/Vice Presidente Mogherini, bem como os Comissários Hahn, Mimica, Avramopoulos, Stylianides, Jourová, Navracsics e King declararam: "Não podemos ignorar a repercussão da violência contra as mulheres em suas famílias, suas comunidades, a sociedade e a economia. Juntos, devemos eliminar essa violência e os estereótipos que põem as mulheres em perigo. A violência contra as mulheres é inaceitável.”

 

Em 2017, A União Europeia sensibilizará a Europa e o mundo inteiro a respeito da violência contra as mulheres, sob todas suas formas – violência doméstica, no espaço público, ou no trabalho, e prestará apoio às mulheres vítimas da violência.

 

Por último, amanhã esta noite, os edifícios da União Europeia, incluindo a Delegação da EU em Brasília, serão iluminados na cor laranja, em apoio à campanha da Organização da Nações Unidas contra a violência contra as mulheres. 

 

Hoje, representantes da União Europeia se reuniram em Brasília com a Diretora da ONU Mulheres, Nadine Grasman, para discutir esse apoio e futura cooperação.

 

 

Para informações adicionais, entrar em contato com:

 

Delegação da União Europeia no Brasil
Humberto NETTO, Assessor de Imprensa

+55 (61) 2104.3119, Humberto.netto@eeas.europa.eu

 

 


Fonte: Delegação da União Europeia no Brasil